Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Primeiro Encontro Pedagógico de 2020 é realizado em Ji-Paraná

Publicado: Quarta, 12 de Fevereiro de 2020, 09h46 | Última atualização em Quarta, 12 de Fevereiro de 2020, 09h46 | Acessos: 94659

Encontro PedagógicoAtendendo as demandas de cunho pedagógico e visando dar continuidade aos trabalhos desenvolvidos nos Encontros Pedagógicos do ano de 2019, o IFRO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia), Campus Ji-Paraná, realizou o I Encontro Pedagógico de 2020. A reunião ocorreu de 3 a 7 de fevereiro.

O planejamento levou em consideração as necessidades apontadas anteriormente pelo corpo docente do IFRO. Na instituição, os encontros pedagógicos são importantes estratégias escolares que proporcionam espaços de formação coletiva, nos quais se pode refletir e discutir as práticas pedagógicas desenvolvidas em uma instituição de ensino. A promoção desses espaços tem por objetivo o compartilhamento das experiências escolares, a discussão dos desafios enfrentados pelos profissionais da educação, avaliação de ações já implementadas e planejamento de ações futuras.

Para a Diretora-Geral do Campus Ji-Paraná, Letícia Carvalho Pivetta, a Semana Pedagógica proporcionou aos servidores momentos de capacitação, compartilhamento de ideias, apontamentos de problemas e soluções, em prol do planejamento das atividades letivas de 2020. “Desta forma estamos todos tentando cumprir a missão do IFRO, que trata de contribuir para o desenvolvimento da sociedade por meio da educação profissional”.

O encontro iniciou com uma reunião administrativa que apresentou as ações de 2019, as metas para 2020 e informativos dos departamentos com todos os servidores. Após, foi ministrada a palestra “Cultura Surda”, com a intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais), Marcela Regina Stein dos Santos. “Foi uma oportunidade para os professores do campus ouvirem e discutirem sobre inclusão de alunos surdos em suas aulas, discutirem a formação de PPC e curricularização da extensão. Atendendo às expectativas da comunidade docente, o evento foi extremamente produtivo e esclarecedor”, estima o Coordenador da Licenciatura em Química, Luiz Américo da Silva do Vale.

Neste ano, o Encontro Pedagógico visou levar todos os envolvidos a compreender as ações pedagógicas em andamento, bem como discutir e planejar ações para o desenvolvimento do ensino para 2020. “Os encontros pedagógicos são momentos de especial importância para a instituição e principalmente, para o ensino. Pois eles permitem o trabalho em prol da oferta de um ensino de qualidade e promovem momentos de reflexão que atingem de forma direta o processo de ensino-aprendizagem. Por isso, foi com grande carinho que a equipe de ensino planejou o I Encontro Pedagógico do IFRO Campus Ji-Paraná, trazendo dois palestrantes externos para contribuírem neste aprendizado contínuo do professor”, conta a Diretora de Ensino, Andreia Mendonça dos Santos Lima.

O planejamento de ensino aconteceu por colegiado de curso, em que os professores lotados no Curso de Técnico em Química, no Curso de Técnico em Florestas e no Curso de Técnico em Informática planejaram em conjunto atividades a serem desenvolvidas ao longo do ano.

Os professores lotados nos Cursos Superiores de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia Florestal e Licenciatura em Química formaram outro grupo, apresentando os relatos de experiências e as principais metodologias de ensino e instrumentos avaliativos aplicados por turma. Ainda retomaram os resultados da avaliação de cursos realizada em 2019 e propuseram atividades coletivas como projetos, avaliações e atividades.

Nos dois últimos dias foi a vez do Workshop: Ensino Técnico Integrado, com o professor Sidinei Cruz Sobrinho. “Semana de trabalho intensa, mas com muito aprendizado e a oportunidade de dialogar com colegas servidores públicos comprometidos e qualificados. Um agradecimento aos colegas que tive a honra de conhecer no estado do Espírito Santo, no IFES Campus Colatina, e no estado de Rondônia, IFRO Campus Ji-Paraná e Campus Jaru”, afirmou o convidado.

Entre os objetivos da atividade estavam refletir e discutir quanto às práticas de ensino que já têm sido desenvolvidas; verificar e discutir o atendimento à proposta dos projetos pedagógicos dos cursos; iniciar a discussão e elaboração dos planos de ensino para o ano; e conhecer e discutir formas de trabalho interdisciplinar. Dentro da comunidade escolar, segundo o Coordenador de Florestas, Raimundo Gomes da Silva Junior, “é o momento que equipe pedagógica e o corpo docente planejam as atividades do ano letivo. Além disso, o encontro  pedagógico do Campus Ji-Paraná é um espaço de debate e articulação  entre as questões administrativas  pedagógicas”. 

A Coordenadora do Curso de Engenharia Floretal, Janice Ferreira do Nascimento, acredita ser o espaço de grande importância para a formação como docente. “É uma oportunidade de troca de experiências e ideias que nos auxilia na constante construção que é a formação docente. Sempre temos algo novo a aprender”, diz. Na avaliação do Coordenador do Técnico em Informática, Jackson Henrique, “a capacitação desde ano foi excelente, porque trouxe novos conhecimentos sobre como fazer uma educação de forma integrada e interdisciplinar para os alunos. Acredito que com isso teremos um ano melhor para os nossos alunos, com menos atividades avaliativas e mais tempo para eles fazerem outras atividades essenciais para a sua formação cidadã”.

Conforme o Chefe de Departamento de Apoio ao Ensino, Gleison Guardia, a reunião periódica permite ao servidores tratar temas de forma coletiva, compartilhar as dificuldades, ouvir experiências exitosas e fazer formação. Além de “juntos traçar estratégias para melhor cumprir nossa missão que é produzir uma educação de qualidade e humana aos nossos alunos. Assim, estar presente nestes momentos é fazer parte de um grande levante pela educação de nossa instituição, o que nos deixa extremamente orgulhosos e felizes com cada participação e contribuição voluntária dos servidores do IFRO Campus Ji-Paraná”, acrescenta.

O ambiente de formação coletiva encontrado no evento também foi ressaltado pela professora do Curso Técnico em Florestas e Engenharia Florestal, Emi Silva de Oliveira. “Neste ano refletimos e discutimos as práticas pedagógicas exitosas e não exitosas desenvolvidas ao longo da experiência de cada um. A promoção desse espaço pela gestão fortalece o trabalho dos servidores e dá condições de que cada vez mais a caminhada seja rumo a atingir a missão institucional. Falamos do passado, do presente e planejamos 2020, logo, estamos caminhando para a execução da LDB e das normativas institucionais independentemente dos desafios enfrentados pelos profissionais da educação”, concluiu.

Fim do conteúdo da página
-->