Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Sede do Campus Porto Velho Calama está com novo visual para recepcionar alunos e servidores

Publicado: Segunda, 29 de Novembro de 2021, 13h36 | Última atualização em Segunda, 29 de Novembro de 2021, 16h41 | Acessos: 75684

Slide2A sede do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Porto Velho Calama, vem recebendo melhorias em sua estrutura física. Também está sendo modificada a estrutura visual da unidade, com a finalidade de oferecer um ambiente atrativo ao aprendizado dos alunos quando retornarem às aulas presenciais.

Durante o período de pandemia foram feitas obras de adequação no estacionamento do campus, com a reformulação da área de entrada, reestruturação de calçadas e da guarita, visando melhorar as condições de trabalho dos profissionais que atuam na portaria e a segurança de todos que circulam na unidade.

Compondo o novo visual, na porta de entrada do hall de circulação do prédio principal foram colocados quatro dos principais conceitos que motivam o aprendizado. Eles destacam que ‘Planejar é estar sempre à frente’; ‘Criar é brincar com a mente’; ‘Ensinar é moldar o futuro no presente’ e ‘Inovar é fazer diferente’. Todos eles levam ao lema principal da instituição: “Educação que transforma”. A missão, a visão e os valores da instituição são também destacados.

Ainda na área externa, o auditório recebeu nas janelas de vidro adesivos com ilustrações elaboradas pelo estudante do Curso Técnico em Edificações, Arthur Maia, que estiliza a catedral metropolitana de Porto Velho e a locomotiva da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré. Noutro painel, Arthur também estilizou a imagem da sede do Campus Calama, que assina o painel comemorativo alusivo aos dez anos da instituição completados no ano (2020).

Para o servidor Valmir Vitor Viana Farias, Programador Visual responsável pelo projeto, “a aposta para compor a programação visual por ocasião do 10º aniversário do Campus Porto Velho Calama foi a utilização de cores fortes e vibrantes que definem bem a sua personalidade: ousado, vanguardista e dinâmico. Além da ‘linha do tempo’ que conta com os principais acontecimentos desta década de existência. O Bloco ‘B’ conta agora com painéis de personalidades expoentes de suas respectivas áreas técnicas para que inspirem as novas gerações que passarem pela instituição”.

Os alunos que retornam e os que ingressam a partir do próximo ano irão receber um campus com diversas benfeitorias, aconchegante e com motivos que despertam a atenção e a curiosidade traduzidas também nos personagens ilustres das ciências, filosofia, educação e tecnologias. Grandes “ícones”, inventores e pesquisadores em variadas áreas relacionados às áreas de atuação acadêmica do campus (Edificações, Eletrotécnica, Informática, Química, Física, Engenharia Civil, Engenharia de Controle e Automação) foram colocados em painéis dos corredores das salas de aulas e dos laboratórios (bloco “B”, térreo), por pertinência de atuação.

A série de painéis se abre com o Patrono da Educação Brasileira, o educador Paulo Freire, com uma síntese de seu pensamento, destacando que “Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”. Seguido por Ada Byron Lovelace, escritora e matemática inglesa, reconhecida por ter escrito o primeiro algoritmo para ser processado por uma máquina; e Alan Turing, também um matemático britânico, cientista da computação. E, talvez, uma das autoridades mais conhecidas nesse campo nos últimos anos, o inventor e empresário americano no setor de Informática, Steve Jobs.

Distribuídos nos acessos dos alunos às salas de aulas e laboratórios, figuram ainda os painéis do inventor Nikolas Tesla, engenheiro mecânico e eletrotécnico sérvio, que contribuiu com o conhecimento do projeto do moderno sistema de corrente alternada. O estadunidense Benjamin Franklin, conhecedor de muitos assuntos, contribuiu com estudos sobre a eletricidade e com a descoberta do para-raios. Michael Faraday, considerado um dos cientistas mais influentes de todos os tempos, foi um físico e químico britânico que contribuiu para os estudos do eletromagnetismo e da eletrólise. O cientista francês Louis Pasteur também é homenageado nos painéis, por suas contribuições na história da Química e da Medicina, com ênfase em suas descobertas das causas e prevenções de doenças.

A física e química polonesa, naturalizada francesa, Marie Curie, que conduziu pesquisas pioneiras sobre radioatividade, também foi contemplada com um painel, ao lado do físico quântico e bioquímico estadunidense, Linus Pauling, Prêmio Nobel de Química, reconhecido como o melhor Químico do século XX.

Junto às áreas das engenharias, a figura centenária do arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer abre os painéis, destacando seu pensamento que “se a reta é o caminho mais curto entre dois pontos, a curva é o que faz o concreto buscar o infinito”. Ao seu lado, o painel de outro brasileiro, o engenheiro de estruturas e fundações José Carlos Sussekind, que se notabilizou pelos cálculos nas principais obras de Niemeyer após 1970. Ao ser previamente consultado pela Direção-Geral do Campus Porto Velho Calama, quanto a sua autorização e assinatura ao painel, para que figure dentre as celebridades/ícones, o engenheiro Sussekind enviou em resposta uma carta redigida a próprio punho, com agradecimento pela homenagem a ele prestada pelo Instituto Federal de Rondônia através do IFRO Campus Porto Velho Calama.

Na avaliação da gestão do campus, além da curiosidade que desperta para se conhecer a trajetória de vida das celebridades estampadas nesses painéis, o ambiente estimula e reforça que a instituição possibilita galgar o caminho do conhecimento empreendido por aqueles pesquisadores e, quiçá, a se descobrir novos parâmetros do conhecimento ainda não revelados.

 

Uma década

Para realçar a história da unidade, foi criado um painel “linha do tempo”, que lembra a comemoração dos dez anos do Calama. O ano de 2020 marcou a primeira década do início das ações do Campus Porto Velho Calama, contudo, as atividades presenciais tiveram que ser suspensas em decorrência da pandemia de covid-19, ainda no início do ano.

Marcando a data, a instituição homenageia com um painel – que cobre toda a parede que vai do saguão principal ao acesso do auditório (bloco “A”, térreo, lado esquerdo) os envolvidos com a implantação do campus nesse período, falando sobre a posse dos dirigentes; a implantação dos cursos; as participações em jogos e eventos; a criação dos grupos de pesquisas, bem como a realização das cerimônias de conclusão dos cursos.

Ao adentrar nas instalações do Campus Porto Velho Calama, o estudante se sente acolhido e respeitado, em um ambiente propício a desenvolver seus estudos, estimulado por professores competentes e um extenso corpo técnico e pedagógico, todos empenhados em proporcionar o melhor rendimento escolar e um convívio sadio em um ambiente que conta com salas amplas; 34 laboratórios com equipamentos de ponta para o ensino específico de Química, Física, Informática, Eletrotécnica, Engenharia Civil, Edificações, Engenharia de Controle e Automação, Artes e Idiomas, Música e Microbiologia; Ginásio de Esportes; Auditório; Biblioteca e Refeitório.

 

Retorno gradual

O Campus Porto Velho Calama encerrou o ano de 2020 com 2.602 alunos estudando no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), em 19 cursos. Atualmente já há alunos circulando no campus, principalmente os que estão frequentando os laboratórios em aulas práticas.

Antes do retorno gradual foi elaborada uma portaria contendo todas as medidas de segurança que devem ser observadas para assegurar a permanência dos alunos nos espaços acadêmicos. Nas produções acadêmicas realizadas em 2020, o Campus Calama contou com a publicação de doze livros por meio do Departamento de Pesquisa; 52 capítulos em livros e ofertou 51 Bolsas de Iniciação Científica. Por meio do Departamento de Extensão, foram realizados 30 projetos de extensão, nove visitas técnicas e oito cursos de formação inicial e continuada em 2020.

Com o processo seletivo 2022/1 em curso no Portal de Seleção do IFRO, aberto até o início do mês de dezembro, estima-se que ingressem mais 600 alunos nas diversas modalidades de ensino que são oferecidas, sendo 320 vagas nos cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio: Edificações, Eletrotécnica, Informática e Química; 120 vagas nos Cursos Técnicos Subsequentes: Edificações, Eletrotécnica, Manutenção e Suporte em Informática; e 160 vagas nos cursos de Graduação nas áreas de Análise e Desenvolvimento de Sistemas (Tecnólogo); Física (Licenciatura); Engenharia Civil e Engenharia de Controle e Automação (Bacharelados).

O Diretor-Geral do Campus Porto Velho Calama, Leonardo Pereira Leocádio, enfatiza o compromisso da instituição em manter um ensino de qualidade, com reforço à condição de ensino público “que proporciona formação consistente aos nossos alunos que saem preparados para ingressar no mercado de trabalho, possibilitando colaborar com a oferta de profissionais para o desenvolvimento de setores estratégicos no estado de Rondônia. Mesmo depois de formados, os egressos não perdem o contato com o IFRO e continuam mantendo um intercâmbio para a troca de informações sobre suas carreiras profissionais”.

  • Slide1
  • Slide10
  • Slide11
  • Slide12
  • Slide13
  • Slide14
  • Slide15
  • Slide16
  • Slide17
  • Slide18
  • Slide19
  • Slide2
  • Slide20
  • Slide21
  • Slide22
  • Slide23
  • Slide24
  • Slide25
  • Slide26
  • Slide27
  • Slide3
  • Slide4
  • Slide5
  • Slide6
  • Slide7
  • Slide8
  • Slide9
Fim do conteúdo da página
--> /**/
Consentimento para o uso de cookies
Este site armazena cookies em seu computador. Os cookies são usados para coletar informações sobre como você interage com nosso site e nos permite lembrar de você. Usamos essas informações para melhorar e personalizar sua experiência de navegação e para análises e métricas sobre nossos visitantes. Se você recusar, suas informações não serão rastreadas quando você visitar este site. Um único cookie será usado em seu navegador para lembrar sua preferência de não ser rastreado.