Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Projeto do IFRO discute em live orientações e normativas nacionais e estaduais para a educação

Publicado: Terça, 05 de Mai de 2020, 13h45 | Última atualização em Terça, 05 de Mai de 2020, 17h27 | Acessos: 94657

IFRO Roda de Conversa 2O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Porto Velho Zona Norte, realiza um debate ao vivo por videochamada, abordando as atuais orientações e normativas nacionais e estaduais para a educação. A live “Currículo e Diretrizes Nacionais/Estadual para reorganização das atividades pedagógicas em tempos de pandemia” será às 18 horas do dia 6 de maio (quarta-feira), neste LINK.

Participam do debate Francelena Santos Arruda, da Secretaria de Estado de Educação (SEDUC), Elizangélica Fernandes da Silva (IFRO) e Agenor Fernandes de Souza, Conselheiro Vice-presidente do Conselho Estadual de Educação de Rondônia. O público convidado são pais e responsáveis por estudantes de qualquer nível de ensino, além de docentes, técnicos ou alunos.

Para participar da videochamada, acesse https://meet.google.com/dqx-cxny-xbh. Para acessar por telefone é necessário discar +1 929-256-1486 e digite este PIN: 276 674 837#

 

Projeto

A atividade faz parte de proposta aprovada pelas Pró-Reitorias de Extensão (Proex/IFRO) e de Pesquisa (Propesp/IFRO) pelo Edital 7/2020 de Apoio Financeiro a Projetos de Pesquisa e Extensão para Prevenção e Enfrentamento da COVID-19. O título do projeto é “Ensinar na Incerteza: Inovação e Reexistência Pedagógica no Enfrentamento dos Impactos da Pandemia de Covid-19 na Educação Escolar”, sob coordenação da Professora de Pedagogia no Campus Porto Velho Zona Norte, Rosa Martins Costa Pereira. A proposta conta com parceira e colaboração do Grupo de Pesquisa em Educação, Filosofia e Tecnologias (GET/IFRO).IFRO Roda de Conversa 1

A docente explica que o projeto tem como foco o assessoramento pedagógico à reorganização curricular para retomada das aulas presenciais, sendo que o assessoramento ocorrerá em duas frentes de trabalho. Uma que envolve escola da rede pública estadual do município de Porto Velho, e prevê o desenvolvimento de atividades dos bolsistas e voluntários em conjunto com a coordenação pedagógica, orientação educacional e professores/alunos. A outra atuação é junto aos professores, técnicos do Campus Porto Velho Zona Norte, estudantes do Curso de Pedagogia e Formação Pedagógica do IFRO/UAB por meio da formação de um grupo de estudos online, cujas rodas de conversas serão divulgadas às comunidades escolares.

Está no objetivo do projeto contribuir para a reorganização curricular de uma escola pública e disseminar a importância e estratégias para o desenvolvimento de competências profissionais de professores para atuar em um cenário social de incerteza. Entre as ações realizadas, também há proposta de leitura literária. No sábado, 2 de maio, foi feita a primeira live com contação de história. O livro escolhido foi o da porto-velhense Claudenice Luna Leite chamado “Luna”. O obra foi lida para o público participante e depois realizado debate sobre o tema.

As próximas transmissões ocorrem nos dias 09 de maio – quando o livro a ser contado por Elaine Marcia Rosa é “Minha mãe é negra sim!” de Patrícia Santana; 25 de maio – Patrícia Pereira conta “Eu sou Macuxi e outras histórias” de Julie Dorrico; no dia 08 de junho – Rosália Silva conta “Encanto do Rio Madeira Histórias Ribeirinhas” organizado por Nair Gurgel; no dia 22 de junho – Elaine Rosa conta “Ratinho Lambuza” organizado por F. M. Pipas e J. Paulo; em 27 de junho – Janaína Leite vai ler “Tchau” de Lygia Bojunga.

Ainda serão realizadas rodas de conversa com pais, oficinas com os estudantes/pais e feito o assessoramento do serviço de orientação educacional no atendimento de estudantes/pais em uma escola da capital.

Fim do conteúdo da página
-->