Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Concluintes do Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas têm 95% de inserção no mercado de trabalho em Vilhena

Publicado: Sexta, 20 de Março de 2020, 16h43 | Última atualização em Sexta, 20 de Março de 2020, 16h46 | Acessos: 13734

connepi2018

Com uma base educacional de referência, que integra ensino, pesquisa e extensão, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Vilhena, forma profissionais de excelência, o que garante uma rápida inserção no mercado de trabalho.

Após a conclusão da segunda turma do Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS), um levantamento realizado pela coordenação do curso identificou que mais de 95% dos alunos concluintes estão atuando na área de formação, mesmo aqueles que ainda não colaram grau.

"As conexões feitas no âmbito do Instituto Federal foram importantes para obtenção de experiência técnica, e as disciplinas me proporcionaram uma base sólida sobre desenvolvimento de softwares. A formação obtida no IFRO me preparou também para a tomada de decisões no âmbito de engenharia de software e para compreender por completo o ciclo de desenvolvimento utilizado", explica o concluinte da segunda turma de ADS, Eclésio F. Melo Júnior.

Para Reginaldo da Silva Souza, da primeira turma, a formação obtida faz parte do seu dia a dia. "O IFRO foi muito importante para a minha carreira profissional, vim de um curso técnico que também realizei no IFRO Campus Vilhena e hoje eu sou proprietário de uma empresa onde utilizo os conhecimentos que adquiri com esses dois cursos", afirma.

A pesquisa também identificou que muitos profissionais foram contratados antes mesmo da conclusão do curso, como é o caso de Allison Sousa Bahls. "Eu consegui a vaga de trabalho graças ao curso técnico em informática realizado no IFRO, enquanto eu ainda estava cursando ADS. E agora com a graduação há um aumento salarial e novas possibilidades de atuação dentro da empresa", conta.

Igor Matheus Coleto Bueno comentou que a Coordenação de Integração Escola, Empresa, Comunidade (CIEEC) contribuiu para o seu encaminhamento ao mercado de trabalho. “O CIEEC intermediou a conversa com a empresa e me ajudou diretamente na conquista de uma vaga de trabalho. A formação do IFRO é a base para todas as atividades referentes à programação e TI que desenvolvo”, fala.

O Coordenador de ADS, Juliano Fischer Naves, comentou que o índice de inserção no mercado é um indicativo de sucesso do curso, “[...] visto que o mesmo é concebido para o atendimento às demandas da região. A qualidade das instalações físicas do IFRO, bem como da formação dos docentes e da dedicação dos técnicos administrativos é o diferencial. Estamos focados em fornecer o ensino da melhor qualidade possível, resultando em transformação na vida profissional dos alunos, além de retorno em forma de mão de obra qualificada para a sociedade. Esses resultados foram recebidos com orgulho pelos professores do curso. Nós nos dedicamos para isto: qualificar nossos alunos. É uma sensação de dever cumprido".

  • campus-party-11-janeiro-2018
  • connepi2018
  • cpbr-10
  • ens31
  • metcie20161
Fim do conteúdo da página
-->