Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Projeto de Ensino e Extensão reúne alunos para a leitura de contos em Vilhena

Publicado: Quinta, 06 de Setembro de 2018, 16h19 | Última atualização em Segunda, 17 de Setembro de 2018, 08h34 | Acessos: 749

Campus Vilhena Projeto de Extensão 4

Cerca de 230 alunos da escola Álvares de Azevedo e do IFRO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia), Campus Vilhena, participaram de projeto que incentivou a leitura de contos. Intitulado “Quem lê um conto... Toma um café que eu te conto!”, o projeto de Ensino e Extensão teve a participação de estudantes de terceiros anos do Campus Vilhena, que compartilharam sabores e saberes, expondo ideias de forma prazerosa e descomplicada, com alunos da EEEFM Álvares de Azevedo.

Coordenado pelas professoras Rosa Maria da Silva Gonçalves (Campus Vilhena) e Claudia Regina da Silva (Escola Álvares de Azevedo), em parceria com outros profissionais das duas instituições, o projeto instiga a leitura dos contos como forma de acesso à leitura canônica, a partir de autores renomados e de períodos literários diversos, para que os alunos envolvidos possam compreender a importância da leitura como ação transformadora.

Após a leitura de 20 contos, os estudantes se reúnem para conversar sobre suas opiniões e interpretações e também para um café literário partilhado, em que cada discente leva algo para ser dividido. Cada encontro é realizado em um espaço diferente, assim, além de terem contato com a literatura nacional e estrangeira, os estudantes têm a oportunidade de visitar outra escola e conhecer novas pessoas.

Para além da estória, os contos oportunizam discussões aprofundadas, envolvendo também questões sociais, éticas, raciais e comportamentais. O Diretor-Geral do campus, Aremilson Elias de Oliveira, lembrou ainda que as leituras contribuem para a preparação dos alunos para o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio), além de ser uma forma de integração entre instituições. Diogo Fernando Pereira do 3º A do Curso Técnico em Edificações afirmou que “o projeto é muito importante porque proporciona um diálogo com pessoas diferentes, pois estamos acostumados a falar somente para os colegas da turma, e também porque podemos nos envolver um pouco mais com a literatura”.

A Professora Rosa conta que a ideia inicial surgiu em sala de aula, com uma das turmas que hoje faz parte do projeto. A princípio, seria a leitura de um conto por dia, mas o projeto foi adequado para etapas de 20 contos, com um encontro para compartilhar a compreensão de cada aluno. A partir daí, sabendo da importância dos alunos conhecerem realidades e espaços diferentes, foi realizada a parceria com a Escola Álvares e o projeto foi estendido ampliando o número de alunos envolvidos com as leituras.

Também do Curso Técnico em Edificações, Andressa Samara Gomes da Silva fala da experiência de superar a timidez para expor suas interpretações para outros estudantes: “Quando a gente lê uma coisa e passa isso para outras pessoas, é uma forma de adquirir conhecimentos e de perder a timidez. Eu estava com muita vergonha, mas foi muito bacana, da próxima vez já estarei mais calma, eu acho”.

Nessa etapa, realizada no dia 31 de agosto, o encontro foi na Escola Álvares de Azevedo e a próxima etapa está agendada para o dia 05 de novembro, no IFRO Campus Vilhena. Os estudantes inscritos no projeto receberão certificados de participação.

  • Campus_Vilhena_-_Projeto_de_Extensão_1
  • Campus_Vilhena_-_Projeto_de_Extensão_2
  • Campus_Vilhena_-_Projeto_de_Extensão_3
  • Campus_Vilhena_-_Projeto_de_Extensão_4
  • Campus_Vilhena_-_Projeto_de_Extensão_5
Fim do conteúdo da página
-->