Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Alunos de Cacoal se classificam para fase final da Olimpíada Brasileira de Agropecuária

Publicado: Segunda, 16 de Setembro de 2019, 15h28 | Última atualização em Segunda, 16 de Setembro de 2019, 18h52 | Acessos: 1360

OBAP Equipes Cacoal 1Duas equipes, compostas por estudantes do Curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio e por alunos Curso Técnico de Agropecuária modalidade subsequente, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Cacoal, se classificaram para a fase final da 9ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária (OBAP).

As equipes participaram da primeira fase, chamada fase virtual entre os dias 6 e 8 de agosto. Ambas as equipes conseguiram se classificar para a próxima fase, chamada fase presencial ou final, que acontecerá na cidade de Foz do Iguaçu (PR), nos dias 27 e 28 deste mês. No primeiro dia de competição serão as provas teóricas, no segundo dia haverá provas práticas, sediadas pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná (IFPR), Campus Foz do Iguaçu.

A equipe AGROCACOAL é composta pelos discentes Wanderson Almeida Knaak, Denize Camara Valentin e Denise de Souza Mota. A equipe AGROAMAZONIA, é composta pelos discentes Juliana da Silva Rodrigues Arruda, Jeovani Bernabé e Elias Basílio da Silva. “Nossa equipe vai pra essa Olímpiada com vontade de trazer uma medalha para nosso campus, e essa busca é por uma conquista acadêmica, mas também pessoal. O Curso Técnico em Agropecuária foi muito importante para que pudéssemos responder as questões da Olímpiada”, ressalta Juliana da Silva.

As duas equipes são orientadas pelo Engenheiro Agrônomo Arnaldo Libório Santos Filho. Comprometido com a formação dos Técnicos em Agropecuária, o Professor Arnaldo incentiva e apoia os alunos a participar da OBAP. “O objetivo da competição é estimular o ingresso de jovens do ensino técnico integrado e técnico subsequente em carreiras técnico-científicas, incentivando a participação em atividades de iniciação científica, colocando-os em situações desafiadoras, estimulando a cooperação e a integração entre eles. Busca-se também promover uma maior produção de inovações tecnológicas e desenvolvimento sustentável, de modo que se possa retornar para a sociedade os benefícios originados da melhoria no ensino público de nível técnico ligado à agropecuária”, diz.

Para a modalidade voltada aos cursos integrados, das 30 vagas, os alunos de Cacoal ficaram em 15º lugar, após concorrerem com mais de 450 equipes do Brasil todo. Já os alunos da modalidade concomitante ficaram em 3º lugar dentre os 10 classificados, estes concorreram com mais de 50 equipes. Sendo assim, destaca-se que as equipes classificadas estão entre as 30 melhores do País (Curso Técnico em Agropecuária Integrado) e as 10 melhores do País (Curso Técnico em Agropecuária Subsequente).

Os alunos sairão de Cacoal no dia 25/09 e no dia seguinte embarcarão para o Paraná no Aeroporto de Porto Velho. O retorno a Rondônia ocorre no dia 30/09. A OBAP custeará todas as despesas de alimentação e hospedagem das equipes. Enquanto a viagem será custeada pelo IFRO. Para Denise Mota, é uma honra participar da Olimpíada de Agropecuária, pois foi a possibilidade de “colocar um pouco do que aprendemos durante esses três anos no Instituto. É muito gratificante poder representar o IFRO em uma competição de tamanha importância para a Agropecuária, e nós da equipe AGROCACOAL iremos com todo o foco na busca por uma medalha. Estamos todos com uma expectativa enorme para a realização da segunda fase da prova, que irá nos proporcionar uma experiência incrível”.

A vontade de participar da competição, que Denize Valentin possuía, está se realizando neste ano.  “Foi uma prova em que tivemos muita união, e respeitamos a opinião de cada um. Mas o que mais me chamou a atenção foi a abrangência que a prova teve, pois muitos cursos relacionados à área da agropecuária podem participar, além disso, os conteúdos presentes na prova, iam desde extensão rural até tecnologias agrárias. Os conhecimentos adquiridos durante o curso foram de extrema importância para o desenvolvimento da olimpíada e hoje o sentimento que eu tenho é de gratidão. Gratidão por tudo que os professores ensinaram durante o curso e gratidão por estar representando o Campus Cacoal. Confesso que estou ansiosa e animada para essa fase presencial, pois tenho certeza que será fantástica e surpreendente. E a equipe AGROCACOAL dará o melhor para trazer uma medalha para a instituição”, afirma a estudante.

Wanderson Knaak ressalta a possibilidade de aprendizagem junto a outros técnicos da área das ciências agrárias de todo país. “Será uma experiência incrível participar desta competição científica que busca o estímulo e o aprimoramento do conhecimento. Os conhecimentos técnicos adquiridos no decorrer do curso foram de extrema importância para a execução da primeira etapa da olimpíada que foi realizada em equipe com a colaboração de todos, com tudo só tenho a agradecer a todos os envolvidos, estou feliz por representar o IFRO Campus Cacoal nesta competição, a equipe AGROCACOAL estará empenhada em trazer medalhas para nosso campus”, finaliza o discente.

  • OBAP_-_Equipes_Cacoal_1
  • OBAP_-_Equipes_Cacoal_2

Fim do conteúdo da página
-->