Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Grupo de Pesquisa de Cacoal desenvolve suporte para controle remoto

Publicado: Sexta, 06 de Setembro de 2019, 12h02 | Última atualização em Sexta, 06 de Setembro de 2019, 12h02 | Acessos: 232

cacoal projeto 2O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Cacoal, busca, cada vez mais, oferecer um ambiente educacional moderno e favorável ao processo de ensino-aprendizagem. Um dos itens que possuem impacto na qualidade do ensino atual está no local em que ficam disponibilizados os controles remotos para ligar/desligar os aparelhos de ar condicionado e os data-shows das salas de aula.

No Campus Cacoal, a Direção de Ensino, em conjunto com a equipe de apoio pedagógico optaram por afixar suportes nas salas de aula para que os controles ficassem sempre disponíveis. Porém, notou-se que os data-shows não possuíam suportes. Sendo assim, o Grupo de Pesquisa em Processo e Desenvolvimento de Software (GPPDS) se ofereceu para fazer a modelagem de um suporte para os controles dos data-shows e imprimi-los na impressora 3D adquirida pelo grupo de pesquisa no ano de 2017, para suprir as necessidades dos projetos vinculados ao GPPDS.

Segundo a professora Adriana Aparecida Rigolon Guimarães, líder do Grupo de Pesquisa, o GPPDS foi criado e certificado em 2015 para desenvolver projetos nas áreas de Ciências da Computação e robótica educacional. Sendo que a robótica educacional associada à modelagem 3D permite aos alunos construírem protótipos e, a partir desses protótipos, estudar a teoria. Isto instiga os alunos a pesquisar e experimentar diversas soluções para um mesmo problema.

O estudante do Curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, Geisniwander Pellegrini Santos, está vinculado desde 2018. Junto ao grupo o discente desenvolve diversos trabalhos na área de robótica e de modelagem. “Para mim, o grupo de pesquisa representa um ambiente onde podemos desenvolver as mais variadas aptidões e trabalhar em diversas áreas da tecnologia, absorvendo muito conhecimento e aprendendo muitas coisas, tenho certeza que pelo tempo que ainda estarei por aqui, aproveitarei ainda mais as oportunidades proporcionadas pelo IFRO e pelo grupo de pesquisa, ambientes incríveis para mim, tanto no âmbito educacional quanto no pessoal”, relatou o aluno.

GPPDS

O Grupo de Pesquisa em Processo e Desenvolvimento de Software é certificado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e foi formado no ano de 2015. Possui dois líderes, a professora Adriana Rigolon do Campus Cacoal e o Professor Jackson Henrique da Silva Bezerra, lotado no Campus Ji-Paraná, sendo que é atuante nos dois campi.  O grupo atua predominantemente nas áreas de Ciências Exatas e da Terra e Ciência da Computação.

Também são projetos de pesquisa do grupo em Cacoal a utilização de kits de robótica e a plataforma Arduino como ferramenta de apoio ao ensino da Física; FashionHub: um aplicativo para dispositivos móveis que servirá como guia de moda e vestuário para usuários da cidade de Cacoal/RO; Aplicativo de QRCode para identificação das árvores do campus; EconomizAr – Sistema de automação e controle de aparelhos de ar condicionado utilizando a plataforma Arduino; IrrigAção - Automação do sistema de irrigação existente no Horto de Plantas Medicinais do IFRO – Campus Cacoal utilizando a plataforma Arduino; Desenvolvimento do Cardápio Digital do Restaurante Escolar do IFRO - Campus Cacoal; a prática da composição musical pela manipulação de amostras sonoras para performances com uso do Ableton Live; o projeto de extensão Educação digital no contexto da educação pública utilizando a plataforma Arduino (projeto executado na EEEFM Celso Ferreira da Cunha - Riozinho); e os projetos de ensino Cursos de Arduino Básico e Utilização de robôs lego Mindstorm como apoio ao ensino da lógica de programação.

Para visualizar o espelho do grupo na página do CNPq, basta clicar no link https://bit.ly/2knYjAJ.

Fim do conteúdo da página
-->