Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Professor do Campus Cacoal é classificado em 2º lugar em ranking de programa nacional de aceleração de startups 

Publicado: Quarta, 24 de Junho de 2020, 18h34 | Última atualização em Quarta, 24 de Junho de 2020, 18h34 | Acessos: 19655

IFRO Ranking Prof Juliano

O professor Juliano Cristhian Silva, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Cacoal, foi classificado em 2º lugar em um ranking de agentes a nível nacional do programa de aceleração de startups InovAtiva Brasil.  

O InovAtiva Brasil é realizado pela Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com execução da Fundação Certi (Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras). O programa já recebeu diversas premiações ocupando, em 2019, o 1º Lugar no Ranking 100 Open Startups, da TOP 100 Open Startups.

A cada ano, o programa promove a seleção de pessoas que possam desenvolver o ecossistema de inovação e startup na região em que estão instaladas. A equipe selecionada fica responsável por divulgar todas as ações da política pública de aceleração de negócios inovadores (startups) a todo o Brasil.

Rondônia

Rondônia passou a estar presente pela primeira vez nesta iniciativa, enquanto comunidade, em dezembro de 2019 com a seleção dos nomes: Alexandre Mori (Líder de Comunidade), Juliano Cristhian Silva (Agente de Comunidade) e Amanda Barbosa, Rangel Oliveira e Victor Hugo como Disseminadores de Comunidade. A equipe, de forma voluntária, ficou responsável por impulsionar a participação do ecossistema de inovação e startup em Rondônia, por meio de uma política pública do Governo Federal, em conjunto com o Sebrae e executado pela Fundação Certi.

Juliano comenta que "durante o Ciclo 2020/1 tivemos várias atividades de sensibilização, prospecção e treinamentos a serem desenvolvidos para que empreendedores pudessem participar do ciclo de aceleração do InovAtiva”. O docente destaca que ocorreram duas seleções “[...] na primeira foram selecionadas 160 startups de todos os estados brasileiros, e de Rondônia tivemos a nedu.com.br, uma startup da área de educação (edtech). O resultado do ranking de agentes são métricas de todo um trabalho desenvolvido entre março e junho de 2020, principalmente quanto ao processo de sensibilização e prospecção dentro das comunidades do estado para o fortalecimento do ecossistema de inovação e empreendedorismo de impacto".  

Rondônia esteve em destaque também no pódio para Líderes, com o Alexandre Mori em 1° lugar. Ao todo são 29 líderes, 35 agentes e 155 disseminadores em todo o país. Mais informações sobre o InovAtiva Brasil no link: https://www.inovativabrasil.com.br/

Fim do conteúdo da página
-->