Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Lançado o Projeto IFROAtleta Cidadão

Publicado: Segunda, 01 de Abril de 2024, 18h57 | Última atualização em Segunda, 01 de Abril de 2024, 18h57 | Acessos: 184

IFROAtleta Cidadão 18Lançado o Projeto IFROAtleta Cidadão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO). A cerimônia ocorreu na quinta-feira (28), no Campus Porto Velho Calama.

Ao cumprimentar especialmente alunos e profissionais de educação física, o Reitor Moisés Rosa mostrou que no projeto são 60 professores de educação física, 60 colaboradores e 11 coordenadores de polo. “Não se promove educação de forma isolada. A história do projeto se inicia há 15 anos, em 2009, tendo sido aprovado na Câmara Municipal de Colorado, entretanto, não foi colocado em execução. E agora este projeto está sendo consolidado pelo Instituto Federal de Rondônia, com o apoio do Senador Confúcio Moura”. A lembrança feita pelo gestor é do nascimento da primeira versão do projeto, desenvolvida no Cone Sul do estado junto com o Professor Celestino Rosa.

Agradecendo à parceria de Confúcio Moura, o Professor Moisés afirmou que “o Instituto Federal de Rondônia e os alunos e alunas espalhados pelo estado, nós temos um compromisso moral de fazer deste projeto não um fim, mas um início, para que cada vez mais, de forma exponencial, vidas sejam transformadas. Não há outro caminho seguro para a transformação social, senão por meio da educação, por meio das escolas. Tenho um carinho pelo total de 17 macroprojetos hoje capitaneados e executados pelo Instituto Federal de Rondônia, mas um carinho especial por esse, porque pode e certamente irá possibilitar ao aluno escolher entre aquele caminho, do crime, das coisas erradas, e o caminho do bem. Neste momento de conclusão eu peço ajuda de vocês para que tornemos este projeto IFROAtleta Cidadão num instrumento de transformação de futuros”.

Por sua vez, o Senador Confúcio destacou que o esporte enquanto ação é um projeto de segurança pública, educacional, de cidadania, de formação moral. Dizendo que o programa é inovador, relembrou: “temos uma boa relação com o Instituto Federal. Quando fui Governador do Estado, o IFRO foi um parceiro, e nós levamos por mediação tecnológica aulas a distância de ensino médio para todo o estado de Rondônia”.

O Coordenador do IFROAtleta Cidadão, Olakson Pedrosa, afirmou ser esse “um projeto audacioso. Esse é um projeto que tem o objetivo de levar até os jovens dos municípios do estado de Rondônia, na faixa etária de 13 a 17 anos, a oportunidade da prática do esporte. Mas não é só a prática do esporte. Esse trabalho vai ser conduzido por profissionais de educação física devidamente registrados em seus conselhos. Esse trabalho vai ser conduzido também por profissionais com alunos, e todos esses servidores estão passando por um processo seletivo”.

Acadêmica do Curso de Engenharia Civil do IFRO Campus Porto Velho Calama e atleta de Basquete, Kailane Alencar Miranda Souza, conta que sua história com o esporte começou em 2020 no IFRO, no time de basquete, e dois anos depois entrou no time de Atletismo. Para ela, praticar atividades físicas mudou sua vida. “Eu posso afirmar que foi uma experiência incrível em todos esses anos que eu participei. Adquiri muita maturidade, responsabilidade, porque eu tinha 15 anos e era uma pessoa extremamente sedentária. Eu não conseguia correr por cinco minutos”, recorda.

Vendo possibilidade de trabalho conjunto com as atividades de incentivo ao esporte que o município oferece, o Prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, ressaltou o poder que a educação possui para transformar. E disse “que o esporte de maneira geral, é o modo mais eficiente de se afastar das nossas crianças, dos nossos adolescentes, dos nossos jovens, as drogas e outras situações piores”, afirmou.

A Secretária Municipal de Educação de Porto Velho, Gláucia Negreiros, falou da importância da educação e dos investimentos para melhorar o resultado de aprendizagem na educação municipal, de melhorar a infraestrutura e as atividades extracurriculares, porque a atual gestão entende que a educação precisa mais do que apenas os componentes curriculares, “e isso é o que vemos nesse projeto que vamos ter em Porto Velho, no estado de Rondônia”.

O Vereador de Porto Velho, Aleks Palitot, acrescentou ver não apenas atletas “no futuro, mas também pessoas que vão tomar espaço no âmbito profissional, na ciência, na educação, e na vocação que cada um, do Instituto Federal, irá trilhar daqui por diante”. Ele relembrou a história de surgimento das Olimpíadas, de quando houve a união em torno da defesa de uma nova causa, e a continuidade e a celebração por meio do esporte até os dias atuais.

Lançamento oficial

O Projeto IFROAtleta Cidadão foi lançado na manhã da última quinta-feira, 28 de março, no IFRO Campus Porto Velho Calama. A composição da mesa de autoridades foi com o Reitor do IFRO Moisés Rosa, o Senador Confúcio Moura, o prefeito do município de Porto Velho e Presidente da Associação Rondoniense de Municípios (Arom),  Hildon Chaves, a Secretária de Educação de Porto Velho, Gláucia Negreiros, o Vereador e representante da Câmara Municipal de Porto Velho, Aleks Palitot, a Pró-Reitora de Extensão do IFRO, Marcela Regina Stein dos Santos, o Diretor-Geral do Campus Porto Velho Calama, Leonardo Pereira Leocádio, o Coordenador do projeto IFROAtleta Cidadão, Olakson Pedrosa, e a atleta e aluna de Engenharia Civil do Campus Calama, Kailane Alencar Miranda Souza.

Participaram ainda do evento os Diretores-Gerais dos campi do IFRO: Adilson Miranda de Almeida (Cacoal), Jeferson Cardoso da Silva (Porto Velho Zona Norte), Letícia Carvalho Pivetta (Ji-Paraná), Marcos Aurélio Anequine de Macedo (Colorado do Oeste), Mauro Sérgio Demício (São Miguel do Guaporé), Rodrigo Alécio Stiz (Vilhena), Elaine Oliveira Costa de Carvalho (Guajará-Mirim) e Adriano Marcos Dantas da Silva (Ariquemes).

“Esse projeto é muito importante, não somente para a prática de atividades físicas, mas, para a interação entre os adolescentes atendidos, ele também dará oportunidade aos professores de educação física para realizar trabalhos de excelência e demonstrar suas potencialidades”, realçou Professor Marco Aurélio Anequine de Macedo.

Conforme Mauro Sérgio Demício, do Campus Avançado São Miguel do Guaporé, a unidade “já tem 155 adolescentes inscritos que irão participar nas modalidades de futebol de campo, voleibol e atletismo sob a coordenação de 3 professores e 3 auxiliares técnicos, ressaltamos ainda a importante parceria com o poder público municipal que disponibilizou os espaços físicos para a realização do projeto que alcançará participantes de regiões periféricas que serão beneficiados com uniformes e auxílio estudantil financeiro”.

“Guajará-Mirim e Nova Mamoré são localidades isoladas geograficamente e carentes de investimentos e esse projeto vai trazer integração e oportunidade para os adolescentes desenvolverem a cidadania por meio da prática esportiva como um todo”, pontuou a Professora Elaine Oliveira Costa de Carvalho.

Desenvolvido em parceria com o Senador Confúcio Moura, o Projeto IFROAtleta Cidadão foi criado conforme a necessidade de oferecer aos estudantes de escolas públicas e privadas oportunidades quanto à prática esportiva. A iniciativa prevê um trabalho a médio e longo prazo, executado por profissionais de Educação Física e colaboradores, visando à consolidação e formação de cidadãos saudáveis, responsáveis e conscientes do seu papel como membros da sociedade.

“O Projeto IFROAtleta Cidadão oportuniza levar o Instituto Federal de Rondônia até as regiões mais longínquas, como por exemplo duas comunidades indígenas de Ji-Paraná e uma comunidade ribeirinha em Porto Velho, que terão a possibilidade de interação e integração por meio da prática esportiva”, explica a Pró-Reitora de Extensão do IFRO, Marcela Regina Stein dos Santos.

O projeto contemplará possibilidades de contribuição para a promoção da saúde, qualidade de vida e bem-estar, a partir do apoio e realização de atividades relativas às modalidades esportivas futsal, futebol, voleibol, handebol, basquetebol e atletismo, destinadas a adolescentes estudantes regularmente matriculados em escolas da rede pública ou privada, com faixa etária entre 13 e 17 anos. As atividades serão desenvolvidas nos espaços dos campi do Instituto Federal de Rondônia ou nos mais diversos ambientes possíveis dentro do município, por meio de parceria com a gestão municipal, estadual ou associações de direito privado.

  • IFROAtleta_Cidadão_1
  • IFROAtleta_Cidadão_10
  • IFROAtleta_Cidadão_11
  • IFROAtleta_Cidadão_12
  • IFROAtleta_Cidadão_13
  • IFROAtleta_Cidadão_14
  • IFROAtleta_Cidadão_15
  • IFROAtleta_Cidadão_16
  • IFROAtleta_Cidadão_17
  • IFROAtleta_Cidadão_18
  • IFROAtleta_Cidadão_19
  • IFROAtleta_Cidadão_2
  • IFROAtleta_Cidadão_3
  • IFROAtleta_Cidadão_4
  • IFROAtleta_Cidadão_5
  • IFROAtleta_Cidadão_6
  • IFROAtleta_Cidadão_7
  • IFROAtleta_Cidadão_8
  • IFROAtleta_Cidadão_9
Fim do conteúdo da página
Consentimento para o uso de cookies
Este site armazena cookies em seu computador. Os cookies são usados para coletar informações sobre como você interage com nosso site e nos permite lembrar de você. Usamos essas informações para melhorar e personalizar sua experiência de navegação e para análises e métricas sobre nossos visitantes. Se você recusar, suas informações não serão rastreadas quando você visitar este site. Um único cookie será usado em seu navegador para lembrar sua preferência de não ser rastreado.