Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Curso ministrado em Porto Velho capacita membros da CISSP

Publicado: Quarta, 11 de Abril de 2018, 17h48 | Última atualização em Quarta, 11 de Abril de 2018, 17h48 | Acessos: 357

curso CISSP 1

O IFRO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia) realizou de 3 a 5 de abril, no Miniauditório do Campus Porto Velho Calama, um curso de formação inicial para as Comissões Internas de Saúde do Servidor Público (CISSP). O objetivo do curso foi capacitar os membros da comissão para desenvolverem suas atribuições definidas pela Resolução n°47/2017 - CONSUP/IFRO, que trata do Regimento da CISSP.

Segundo a Coordenadora de Atenção à Saúde e Qualidade de Vida, Karla Vivianne Araújo Feitosa Cavalcante, “a capacitação inicial para as comissões subsidiará as ações iniciais e os representantes que participarão dessa capacitação agirão com multiplicadores quando retornarem para os campi, repassando as informações pra aos membros que não puderam vir”.

Karla Vivianne fala que as comissões contribuirão para a execução dos projetos estratégicos, principalmente os vinculados à saúde e à segurança do trabalhador. “A Comissão Interna de Saúde do Servidor Público em cada campus visa dar suporte técnico e apoio para a Coordenação de Apoio à Saúde, uma vez que as comissões vão ter o papel de estabelecer um vínculo mais próximo com os servidores para escutá-los e para ver as demandas para poder intervir quando for possível”, observa a Coordenadora.

O curso de 20 horas abrangeu temas relevantes da Saúde e Segurança do Trabalho. Entre os módulos ministrados estavam Segurança no Trabalho; Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA); Saúde Ocupacional; Atenção Psicossocial; e atribuições dos membros das CISSP´s e Regimento Interno.

Para a Psicóloga Clara Miranda Santos, o trabalho destas comissões será de extrema importância para levantar as principais necessidades de todas as unidades do IFRO e assim obter a fundamentação e direcionamento para a criação e a implementação de projetos com foco na saúde e segurança do servidor.

A professora de Educação Física do Campus Cacoal, Lilian Catiúscia Eifer Firme da Silva, afirma que “quando resolvi me candidatar para participar da CISSP pensava de que maneira poderia contribuir para a saúde e qualidade de vida minha e dos meus colegas no ambiente de trabalho. Acredito que a capacitação da CISSP será de grande valia para pensarmos nessas ações”. 

 

 

 

Fim do conteúdo da página