Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Alunas criam projeto inovador no Campus Cacoal

Publicado: Segunda, 18 de Março de 2019, 17h35 | Última atualização em Segunda, 18 de Março de 2019, 18h10 | Acessos: 3215

Campus Cacoal protagonismo 2

Com o avanço da tecnologia, cada vez mais se tem acesso à informação, às ideias e ao conhecimento de modo geral. Por isso, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Cacoal, valoriza e respeita as novas ideias vindas por parte de seus discentes. No IFRO, o aluno é visto como protagonista do seu aprendizado, o que significa que o aluno tem autonomia e é sempre incentivado a construir seu conhecimento.

Na semana passada, uma atitude protagonista e inovadora foi desenvolvida pelas alunas Ana Beatriz Correa Moreal e Júlia Araújo Duarte do 1º ano do Curso Técnico em Agroecologia Integrado ao Ensino Médio. Por iniciativa própria, as alunas decidiram criar um espaço no banheiro feminino com itens de higiene pessoal e foram além: neste espaço, colaram frases de incentivo às mulheres. A aluna Júlia Araújo Duarte relatou o porquê da iniciativa. “Nós que somos meninas, somos muito sentimentais, me parece que tudo o que sentimos, sentimos em dobro! Então, eu procurei frases motivacionais que toda menina deveria escutar. Eu acho que deve haver muita gente que não está bem em casa ou com alguém da família, essas pessoas vêm para escola e no momento que elas entrarem no banheiro, vão encontrar esse espaço com frases que as façam lembrar como elas são importantes para todos nós e, assim, acredito que se sentirão melhor”, relatou.

O ambiente escolar é um importante local de socialização e articulação sobre temas diversos. Neste ambiente, os discentes têm seus primeiros contatos sociais, além da família. O IFRO incentiva práticas protagonistas, por intermédio dos docentes e da Coordenação de Apoio ao Educando (CAED). A professora de Língua Portuguesa e Coordenadora de Assistência ao Educando, Ingrid Leticia Menezes Barbosa, falou sobre a ação das alunas. “A Coordenação de Assistência Estudantil ficou muito feliz com a atitude realizada pelas alunas. Uma vez que ações como essas são exemplos de cidadania, preocupar-se com o outro demonstra cidadania e amor ao próximo. Na verdade, vai além dos conteúdos de sala de aula, e isso é extremamente positivo. As alunas não só levaram kits de higiene, mas colocaram frases de estímulos a todas as mulheres que frequentam o banheiro feminino, frases essas que, com certeza, ajudam no dia a dia de muitas. Então foi uma atitude muito legal, muito bacana e que demonstra a preocupação com o próximo e que ensina, na verdade lembra, que todos precisamos ter essa preocupação”, comentou.

Neste espaço, as alunas deixaram uma cesta com diversos itens de higiene pessoal feminina como: desodorante, cotonetes, creme dental e principalmente absorventes. A aluna Ana Beatriz Correa Moreal contou qual o motivo que as fez organizar essa cesta de higiene. “Algo que acontece muito é ver meninas pedindo absorventes emprestados as outras. Muitas vezes esquecemos, o que é normal, mas como ficamos o dia todo aqui, torna-se um problemão e pelo nosso campus ser integral, decidimos colocar outros itens, como o creme dental, por exemplo”, contou Julia.

Quando indagadas sobre como funcionará a reposição desses itens, as alunas disseram que passaram nas salas de aula para avisar às meninas sobre o novo espaço, porém não se lembraram de solicitar que todas as alunas poderiam colaborar, deixando materiais na cesta. No entanto, com o passar da semana, as alunas se surpreenderam, pois perceberam que mesmo não fazendo o pedido de colaboração, a cesta estava sempre com a reposição feita, inclusive havia novos itens, como creme para pentear os cabelos, por exemplo. Ana Beatriz comentou que “[...] hoje ficamos sabendo de uma aluna que deixou alguns itens, assim que tivemos oportunidade, procuramos a aluna e agradecemos pela iniciativa. Eu acredito que essa atitude dela irá contagiar as amigas também e assim nosso projeto se tornará uma prática, um costume.” A aluna Julia lembrou que próximo à cesta deixaram um recado para motivar as meninas. “Use quando necessário, reponha quando puder. Foi a frase que deixamos próxima à cesta, para que as meninas soubessem que poderiam usar e também colaborar”.

Sobre o projeto, as alunas esperam que essa iniciativa se torne uma corrente do bem, que as pessoas possam encontrar apoio ali, naquele espaço, lendo as frases, utilizando os produtos, deixando novos itens e assim ajudando outras pessoas.

 

Fim do conteúdo da página