Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Campus Jaru promove evento com apresentações culturais

Publicado: Terça, 12 de Dezembro de 2017, 18h35 | Última atualização em Terça, 12 de Dezembro de 2017, 19h40 | Acessos: 379

Campus Jaru 25

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Jaru, realizou na noite de sexta-feira (08), a 1ª edição da Noite de Arte e Cultura. As atividades fizeram parte de um projeto cultural desenvolvido pela unidade e contou com apresentações artísticas. O evento ocorreu na Associação Comercial e Industrial de Jaru e reuniu servidores e alunos do campus, além a comunidade externa.

A Noite de Arte e Cultura contou com apresentações de dança, música, poesia, teatro, exposições de fotografias e poemas e capoeira. "Foi memorável a realização do projeto no qual os nossos alunos tiveram a oportunidade de se comunicar com o público através da arte. Estamos muito orgulhosos dos nossos estudantes pelo resultado dos trabalhos. Aproveitamos para agradecer o empenho e a dedicação dos discentes, servidores e, de modo especial, da coordenação do projeto", disse a Diretora de Ensino do campus, Gracilene Nunes da Silva.

Um dos trabalhos apresentados no evento foi a peça teatral “Combustível na memória”, que resgatou a história da construção da realidade do município de Jaru, destacando a importância dos pioneiros. "Quando recebi o convite para participar, eu não imaginava que teria essa proporção. Foi um grande evento, e o mais bonito foi o processo do trabalho até a sua concretização. A participação de todos e a interação, independente de turma, curso ou se fazia parte do IFRO, foram ótimas. O conhecimento que adquirimos nas oficinas para realizarmos esse trabalho, as artes que estávamos descobrindo. A noite cultural foi de grande importância, nos uniu em busca de um objetivo maior", comentou a aluna do curso Técnico em Comércio, Michelli Ferreira Cardoso, que interpretou uma das pioneiras jaruenses na peça.

O presidente da Associação Comercial de Jaru, Ednilson Oliveira, parabenizou a equipe do Campus Jaru pela realização do evento. "Parabenizo a cada participante que contribuiu para que tal evento fosse realizado. Aos professores meu respeito pelo grande empenho empregado. A ACIJ tem a plena certeza que para mensurar o desenvolvimento de qualquer sociedade, é só olhar para a sua cultura", falou.

Para a servidora e colaboradora do projeto, Andreia Correia de Souza, “Foi um prazer participar da I Noite de Arte e Cultura do Campus Jaru. O evento estava lindo e foi impossível não se emocionar com todas as apresentações”.

Segundo Renata Souza Santos, também servidora e colaboradora do projeto, as atividades uniram forças internas e externas para proporcionar um evento de qualidade aos espectadores. "A integração da arte, em suas diversas facetas com a história da região retratada proporcionou um grande aprendizado para todos os presentes. Poder colaborar com o evento foi muito gratificante para mim”, disse.

A participação na oficina de teatro e na peça apresentada no evento fez a diferença na formação acadêmica do estudante do Técnico em Comércio, Elias Bastos Campos.  "Ter participado foi muito importante nunca me imaginei estar em um palco apresentando um teatro para mais de 300 pessoas, foi um desafio imenso. Esta noite cultural ficou marcada na minha história, valeu a pena ter ensaiado e ter me dedicado. Obrigado pelo apoio de todos”, contou.

Sobre o projeto cultural

O projeto da I Noite de Arte e Cultura do Campus Jaru, coordenado pela professora Érica Cayres Rodrigues, foi desenvolvido durante o segundo semestre por meio de diversas oficinas, tais como: fotografia, teatro, poesia e dança. As produções feitas nas oficinas foram apresentadas no dia 08 de dezembro de 2017. “A Noite Cultural foi um sucesso, contou com mais de trezentas pessoas. Além das apresentações preparadas nas oficinas, também houve a participação de pessoas da comunidade onde tiveram a oportunidade de mostrar os seus talentos, bem como a presença de alguns pioneiros do município”, destacou Érica.   

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página