Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Curso de Manutenção e Suporte é uma das ofertas em Guajará-Mirim no PSU 2018/1

Publicado: Quarta, 01 de Novembro de 2017, 19h51 | Última atualização em Quinta, 14 de Dezembro de 2017, 16h40 | Acessos: 1652

Campus Guajará Mirim

Trinta cursos estão em oferta no Processo Seletivo Unificado 2018/1 (PSU) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO). Para o Campus Guajará-Mirim, são quatro cursos: a Licenciatura em Ciências com Habilitação em Química ou Biologia, e os cursos técnicos integrados ao ensino médio em Suporte e Manutenção em Informática, em Biotecnologia e em Informática - EJA (Educação de Jovens e Adultos).

Segundo o Diretor-Geral do campus, Vagner Shoaba, “o Curso de Manutenção e Suporte em Informática é voltado para alunos do ensino médio e foca principalmente no desenvolvimento de tecnologias, como manutenção de equipamentos, conectividade de rede, configuração de servidores, manutenção física, como limpeza de impressora, de computadores, de scanners, e a parte de manutenção mais superficial que não demanda de eletrônica necessariamente, porque computação não faz manutenção eletrônica”.

O diretor ainda ressalta a preparação para o mundo profissional. “É um curso que prepara o jovem para o mercado de trabalho, montando um servidor de um mercado, por exemplo, ou mesmo dando manutenção na rede de computadores desse supermercado, fazendo cabeamento, configurando rede, fazendo conectividade com a internet. E tem uma alta taxa de empregabilidade e possibilita o empreendedorismo”.

Empregabilidade e fonte de renda são outras boas motivações para se candidatar ao curso. “Eu trabalhei mais de dez anos com suporte em informática de forma autônoma. Então, gera uma fonte de renda até mesmo para aquele que não tem um emprego formal. Acaba sendo uma fonte de renda muito preciosa e com bons ganhos, uma vez que hoje todo mundo tem computador. Todo mundo demanda de manutenção, de formatar, de instalar software, de fazer uma pequena manutenção, uma limpeza e isso é todo dia”, complementa Schoaba.

Com duração de três anos, o Curso de Manutenção e Suporte em Informática possui 70 vagas distribuídas em duas turmas, matutina e vespertina.

EJA

No caso da Informática – EJA são 40 vagas para o período noturno, o professor Vagner Shoaba explica possuir carga horária extensiva. Por ser ofertado na modalidade EJA, o curso é voltado para alunos com idade superior a 18 anos e que queiram recuperar o tempo em que não tiveram a oportunidade de cursar o ensino médio. “É um curso de duração maior, quatro anos, pois começa 7h15 e termina 10h45. Como vamos começar um pouco mais tarde e terminar um pouco mais cedo no período noturno, é necessário estender por mais um ano, porque os nossos cursos regulares são de três anos, de manhã e de tarde”.

“Informática – EJA também prepara para o mercado de trabalho, para fazer uma manutenção básica de computador. Claro, não tem o mesmo enfoque que o de Suporte e Manutenção, a mesma profundidade, o que não impossibilita o aluno de poder atuar nesse mesmo mercado. E o curso ainda prepara o jovem para atuar como desenvolvedor. Vai aprender linguagem de programação, banco de dados, rotinas de processamento de dados”, explica do Diretor-Geral do campus.

Vagner Schoaba ressalta ainda os diferenciais na educação ofertada pelo Instituto Federal de Rondônia, promovendo o acesso à tecnologia e à participação em eventos científicos, culturais, esportivos, dentro e fora do Estado. “Também atuam junto com professores em projetos de pesquisa, que ganham nome nacional. Tem ainda a mobilidade acadêmica, fazem estágio com apoio do Instituto Federal”. 

Sobre o Técnico em Biotecnologia, há 35 vagas para o período matutino e mais 35 para o vespertino. “É um curso extremamente versátil, com uma gama diferente de empregabilidade. O formado pode trabalhar numa farmácia, num laboratório, auxiliar na manutenção de equipamentos em laboratórios ou em hospitais, em cooperativas agrícolas com a classificação e separação de materiais, tentando melhorar a produtividade. Possibilita trabalhar ainda na agropecuária, em fazendas e outros”.

O Campus Guajará-Mirim está localizado na Avenida XV de Novembro, s/nº, no Bairro Planalto, com atendimento ao público ocorrendo das 8 às 11 e das 14 às 17 horas. O telefone da unidade é o (69) 99985-4314 e o e-mail de contato é o Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Inscrições

No total, o IFRO está com inscrições abertas para 2.438 vagas do Processo Seletivo Unificado 2018/1 (PSU). As vagas são para os três níveis de ensino (Integrado ao Ensino Médio, Subsequente e Graduação), distribuídas em 30 cursos para os nove campi da instituição, nos municípios de Ariquemes, Cacoal, Colorado do Oeste, Jaru, Ji-Paraná, Guajará-Mirim, Porto Velho e Vilhena.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site do IFRO pelo portal seleção. Acesse: http://selecao.ifro.edu.br/index.php/unificado

Fim do conteúdo da página