Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Aluna do Campus Calama participará da fase internacional do programa de simulações da ONU

Publicado: Quarta, 27 de Dezembro de 2017, 19h08 | Última atualização em Quarta, 27 de Dezembro de 2017, 19h11 | Acessos: 1629

Campus Calama 4

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Porto Velho Calama, terá representante na fase internacional do programa de simulações da Organização das Nações Unidas (ONU), que objetiva através do protagonismo juvenil buscar respostas para problemas mundiais. A aluna Danielle Menezes Marrieli, do 2º ano do Curso Técnico Integrado em Eletrotécnica participará entre os dias 18 a 21 de janeiro, na Universidade Harvard, em Cambridge (Massachusetts- EUA), da 1ª simulação internacional. A segunda etapa acontecerá na Universidade Yale, em Boston (Massachusetts/EUA), entre os dias 25 a 28 de janeiro.

Nesta simulação educacional os estudantes aprendem sobre diplomacia, relações internacionais e organizações transnacionais na prática e através de discussões em equipes. A estudante participou entre os dias 11 e 14 de dezembro da fase nacional do programa, que aconteceu em Brasília.  "Foi uma experiência incrível. Percebi que são pelas pequenas coisas que vamos conseguindo construir um lugar melhor para se viver, mas que nada disso pode ser feito sozinho. O tema da simulação foi a ‘Guerra do Congo (2003)’ e foram três dias cheios de debates e negociações para encontrar uma maneira de resolver o conflito no território congolês, em que todos os países participantes da união africana, presentes nos conselhos, entrassem em concordância e ajudassem na reestruturação do Congo tanto nas questões humanitárias, quanto políticas e econômicas. Durante esse período passamos por uma crise no parlamento da união africana e, mais uma vez, todos os delegados conseguiram, juntos, formular um decreto para estabilizar a situação”, explica Danielle.

Danielle conta que nas atividades realizadas em Brasília pôde conhecer pessoas de todo o Brasil.  A jovem reforça que todos podem alcançar os objetivos através do esforço e da dedicação. “Através das simulações pude abrir meus olhos para ver que o mundo está precisando de jovens interessados em realmente mudar o mundo e não apenas criticar. O meu objetivo é que cada vez mais alunos possam ter acesso a essas oportunidades, e assim se dedicar intensamente em prol de seus objetivos. Ser visionário é enxergar aquilo que ninguém mais enxerga e correr atrás de todas as formas possíveis para conseguir aquilo que colocou como meta", ressalta.

Sobre a oportunidade de participar da fase internacional, Danielle afirma que “levando em consideração que eu não esperava essa oportunidade, eu estou bem ansiosa, estudando muito todos os dias, mas confiando no que aprendi com meus professores. Estou na expectativa pelas simulações. Acredito que a forma como elas devem acontecer são bem diferentes das que eu já participei aqui, mas estou na esperança de dar tudo certo”.

Para o Diretor-Geral da unidade, Marcos Aparecido Atiles, “ter uma aluna do campus em um evento internacional é reflexo da dedicação, empenho e incentivo do IFRO para com os seus alunos”.

Segundo a Reitora Substituta, Maria Fabíola Santos, o IFRO acolheu o pedido da aluna custeando passagens e hospedagem. “A Reitoria prontamente atendeu de forma integral a solicitação da estudante e esse recurso já deve estar sendo transferido nos próximos dias diretamente para a discente para que a mesma possa custear as despesas”, afirmou acrescentando que a estudante também recebeu auxílio para pagamento de passagens e hospedagem durante a etapa nacional ocorrida em Brasília. “Temos um orgulho muito grande, estamos muito satisfeitos com essa participação, pois ela é a única aluna da rede pública que está participando”, ressalta. 

Fim do conteúdo da página