Ir direto para menu de acessibilidade.

Rastro de navegação

Início do conteúdo da página

Formação profissional para músicos e professores inicia em Ariquemes

Publicado: Terça, 18 de Abril de 2017, 11h56 | Última atualização em Terça, 18 de Abril de 2017, 11h56 | Acessos: 515

FIC em Música 3Iniciaram no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Ariquemes, as aulas do curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Música. O primeiro encontro ocorreu do dia 12/04. São 40 alunos participantes que terão aulas todas as quartas-feiras à noite. O curso FIC tem por objetivo qualificar profissionalmente músicos, estudantes de música e professores da cidade de Ariquemes e região, visando atender demandas atuais e regionais do mercado de trabalho através da instrumentalização técnica orientada para viabilização de uma produção artística musical local.

Realizado pelo Departamento de Extensão, através da Coordenação de Formação Inicial e Continuada (CFIC), o curso tem parceria da Secretaria Municipal de Educação de Ariquemes (SEMED). O curso FIC foi organizado de forma modular da seguinte maneira: Mercado de trabalho do músico, Linguagem e estruturação música, Aspectos melódicos, Linguagem e estruturação musical, Aspectos harmônicos, Oficina Prática em conjunto (acompanhamento), Oficina Prática em conjunto (solista) e projeto final. Segundo o coordenador do curso, Manoel Sampaio Schiavi, além do ensino teórico musical integrado com a prática musical, o curso pretende introduzir aos alunos novas ferramentas e recursos tecnológicos musicais para o ensino e estudo da música.

Ao final do curso, serão formados profissionais para atuarem como integrante de bandas de distintas formações e naturezas, além de ter capacidade de estudar e executar diversos tipos de repertórios musicais, produzir uma carreira artística de forma autônoma e criativa e pleitear editais para contratação de músicos e/ou de projetos culturais. As atividades práticas do curso visam fortalecer o cenário musical local estimulando que os músicos se encontrem e apoiem uns aos outros, compartilhando experiências e valorizando o dialogo. O fortalecimento de uma produção artística local valoriza a cidade, promove a região incluindo-a em roteiros artísticos, diversifica a produção econômica e favorece a todos que dela participa ativamente ou passivamente.

Fim do conteúdo da página